23 Aug 2019 Statement Environment under review

Declaração de Inger Andersen sobre os incêndios em andamento na Floresta Amazônica

Photo by NASA

Os incêndios em andamento na Floresta Amazônica são um alerta severo das crises ambientais que o mundo enfrenta - de clima, de biodiversidade e de poluição.

Não podemos arcar com mais danos a este precioso recurso natural, que abriga 33 milhões de pessoas - incluindo 420 comunidades indígenas -, 40.000 espécies de plantas, 3.000 espécies de peixes de água doce e mais de 370 tipos de répteis. A Amazônia, juntamente com outras grandes florestas, como as florestas tropicais da Bacia do Congo e da Indonésia, é uma defesa natural contra o aquecimento global devido a sua capacidade de mitigar e se adaptar às mudanças climáticas. Gerenciá-la de forma sustentável será um ponto crítico para reverter os danos já causados. Falhar na contenção dos danos terá graves impactos na saúde e nos meios de subsistência humanos, dizimando a rica biodiversidade e deixando o mundo mais exposto às crises climáticas e a ainda mais desastres.

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente está pronto para trabalhar com os Estados Membros - incluindo o Brasil - na resposta a esta crise atual e no apoio aos seus esforços para alcançar as metas ambiciosas do Acordo de Paris. O Brasil tem uma longa tradição de ações para proteger a Amazônia e continuaremos a trabalhar com o governo e o povo do Brasil fornecendo ciência, ferramentas e avaliações para orientar políticas baseadas em evidências, convocando os Estados Membros a enfrentar desafios ambientais urgentes e advogando em nome da Amazônia e de outras florestas em todo o mundo.

Na Cúpula de Ação Climática do Secretário-Geral, em setembro deste ano, nos uniremos aos Estados Membros, colegas da ONU, setor privado e sociedade civil para pedir por uma proteção mais forte para as florestas da Terra e para os defensores ambientais, que passam a vida trabalhando para salvar estes recursos.

Instamos os Estados Membros a se unirem e tomarem as medidas necessárias para extinguir os incêndios em andamento, prevenir o início de incêndios futuros e proteger a Amazônia em benefício do Brasil e do mundo.

 

Inger Andersen

Subsecretária-Geral da ONU e Diretora  Executiva do Programa da ONU para o Meio Ambiente